Arquivo do blog

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

mais um capitulo

Meninas desculpa a ausência,eu tive mais uma batalha e tanto,sexta senti uma dor absurda e achei que ia morrer,mas eu não quis ir ao hospital afinal nem consegui me mexer.Sofri demais e lembro que cheguei a pensar que estava com dor de parto,mas como poderia ser né.
Como vcs devem lembrar fiz uma curetagem dia 02 de Agosto,para mim estava tudo resolvido né,infelizmente o pior ainda estava por vir .
Segunda fui ao G.O e ele me deu a terrível noticia eu estava com hemorragia interna e que uma possível rompitura da trompa, me internei na segunda mesmo,chorei bastante,mas eu estava inconforma demais com isso,terça pela manha tomei um banho e em seguida fui para o centro cirúrgico eu estava bem calma, e muito triste ,por volta do 12:00 eu estava no quarto já.
Meu marido me aguardava com certa ansiedade,senti certo desconforto causado pela video-laparoscopia,me entupiram de injeçoes e sofri um tantinho .
Por fim ontem pela manha o medico passou para me dar alta e falou que a cirurgia correu bem e que ele teve que retirar minha trompa esquerda pois havia um bebe dentro e a trompa havia estourado, a outra trompa é obstruida,estou bem porem com um pouco de dor e desconforto.
Como meu bebe lutou para viver, mas ao mesmo tempo tento imaginar como o magnifico dr ......conseguiu colocar meu bebe em miha trompa sendo que elas eram obstruídas,o absurdo é muito grande né.
Acho que infelizmente não terei meu bebe naturalmente pois para isso eu precisaria de uma fertilizaçao in vitro e no momento não penso nisso,acho que Deus tem algo muito bom reservado para mim.
Acho que um bebe de coração,não quero ser uma pessoa fraca,mas acho que preciso para um pouco se nao vou pirar,acho que meu limite foi testado ao extremo e é hora de relaxar um pouco estou com o organismo destruído e com o coração dilacerado.
Estou reunindo forças para seguir pois não penso em desistir do meu sonho,no entanto hoje penso que quero um bebe de coração.
Não sei bem como será isso mas Deus em sua infinita sabedoria ira me mostrar o caminho.
Volto logo pois ainda estou com os pontos então ao posso ficar muito no pc,dia 28 tiro os pontos e vida nova.
Meninas obrigado pelo carinho que venho recebendo sempre de todas vocês.
Bjs

6 comentários:

Tati disse...

Oi Taís,
Com certeza você será recompensada por todo esse sofrimento. É se não for com um filho natural será com um filho de coração.
Amiga, Parabéns por estar superando tudo isso, você é uma "GUERREIRA" mesmo e muito, muito forte, pois não é qualquer um que passa por tudo o que você passou, e mesmo assim não pensa em desistir do sonho!!!
Estarei sempre torcendo por você!!!

Bjos no seu coração,

Ligia disse...

Tais amiga,
Puxa, eu tb queria entender o que aconteceu, se o dr. Lister não viu que era só uma trompa obstruída, então vc podia engravidar naturalmente, e isso pode ter ocorrido, com os remédios que estimularam, já que ele já tinha retirado algo do utero.....
Mas o que importa, agora, é que vc não tem a Mola, um câncer, amiga, está livre disso...eu fiz a video em junho, nos primeiros dias incomoda, mas uns 4 dias depois vc já sente uma melhora, é s´´o fazer o repouso direitinho.
Já ouvi de muitas pessoas mais velhas, histórias de vida onde um casal não engravidava pq precisava receber um filho do coração, esse amor maior, e depois de feito, o milagre do filho natural veio, mas nem por isso o de coração foi menos amado. As vezes percorremos caminhos dolorosos pra chegar onde devemos chegar, e entender o que a vida está querendo nos mostrar.
Eu creio que vc será muito abençoada e feliz, e esse blog vai estar repleto de depoimentos das peraltices do filho de vcs, pq os laços espirituais são muito mais fortes que os sanguineos, e o amor supera toda a dor.
Continuo aqui na torcida, amiga, o que falo pra vc serve pra mim tb, estamos juntas nessa luta. Bjss

Erica disse...

Amiga...com te falei passei por algo parecido e hoje estou tentando superar tudo isso! É dificil...mas conseguiremos! Vou tentar a FIV...caso não consiga partirei para o plano B que não me incomoda, pois pai e mãe é aquele que dar carinho e amor! Só tenho certeza de uma coisa...serei mãe de uma maneira ou de outra...Deus é quem vai decidir! Bjão...fica bem! Érica Paula

Dalila disse...

Querida Taís,
que nova prova difícil que vc passou! No fim o Lister tinha visto o bebê na trompa mesmo e os outros médicos não viram... o que é um perigo inacreditável.
Eles fizeram curetagem e não perceberam um bebê na trompa?!
Meu Deus do Céu!
Querida amiga, fique bem, por favor.

Anônimo disse...

Tais, entendo seu sofrimento e acho que deve continuar a lutar pelo sonho de ser mãe. Mas acho injusto vc culpar o médico pelo o que lhe aconteceu. Passei por uma experiência parecida e esse tipo de gravidez na trompa pode acontecer a qualquer uma. Custei a entender isso, tivemos de recorrer à Fertilização e ter o Ricardo em meus braços é o que mais importa agora. Acredite em Deus e continue lutando. A ciência, acredito eu, está aqui para nos ajudar. O médico, que mencionou, alias, foi o que nos ajudou. Graças a ele, pude ser mãe aos 37 anos, quando tudo parecia perdido. Vá em frente. Um beijo. Maria Beatriz

tais disse...
Este comentário foi removido pelo autor.